Selecione no mapa
a região em que deseja navegar

Você está em:

O Empreiteiro 2023 | Moura Dubeux integra o ranking das maiores empresas de engenharia do país

2 minutos de leitura
Compartilhe nas Redes Sociais

A Moura Dubeux participou do ranking nacional 2023 da construção imobiliária de engenharia brasileira, da revista O Empreiteiro (Revista OE). 

Neste último ranking, a construtora ocupou o 12º lugar do Brasil e o 1º do Nordeste, reconhecimento fruto de um trabalho feito com o olhar para as necessidades da região. 

A Revista OE é uma publicação técnica, segmentada e dirigida aos segmentos de infraestrutura, construção e engenharia. Há 60 anos ativa, ela já foi responsável por cobrir as obras mais importantes da engenharia brasileira.

O que é o Ranking da Engenharia? 

O Ranking da Engenharia Brasileira é uma pesquisa anual que já está na 52ª edição e traz um levantamento das 500 maiores empresas de Engenharia do Brasil. Os dados são auditados por uma empresa independente. A edição Ranking da Engenharia Brasileira é a mais importante ferramenta de consulta do setor e vitrine para novos negócios.

O Rankeamento é realizado a partir da receita bruta consolidada da empresa e dividida entre 4 setores: construção pesada, projetos e consultoria, montagem mecânica e elétrica e serviços especiais de engenharia.

Transformar fraquezas em fortalezas

Em depoimento na publicação, Diego Villar, CEO da Moura Dubeux, falou sobre a capacidade de desenvolver comunidades e buscar a sustentabilidade na construção ao identificar fraquezas para transformá-las em forças em vez de buscar soluções externas. 

 

Empoderar e desenvolver, criando senso de pertencimento e união, com pessoas que entendem e vivenciam os problemas. É feito delas, com elas e por elas. De dentro para fora. Todos engajados e envolvidos com a comunidade que estão inseridos. Acredito que apenas assim o nosso plano de sustentabilidade será autêntico e eficaz, com resultados relevantes”, diz o executivo. 

 

Para exemplificar, ele traz o caso da MD Store, que surgiu a partir de uma experiência não tão boa que o cliente tinha no ato da entrega das chaves: lidar com a personalização do imóvel e mais uma obra: que levaria tempo e dinheiro. 

Ruim para o cliente e ruim para o planeta, já que haveria ainda mais geração de resíduos e utilização de mais recursos. 

 

Nesse contexto nasce a nossa loja de personalização. Mais de 30% das unidades vendidas neste ano já contrataram a MD Store, em que o cliente receberá sua unidade praticamente pronta pra morar. É menos resíduo para o planeta, é mais satisfação para o cliente e mais um negócio rentável”, completa Villar.

 

E assim, a empresa vem lidando com as fraquezas: da dificuldade de encontrar novos terrenos, surgem os retrofits; da dificuldade da classe média em adquirir o produto da MD, nasce a Mood, com imóveis para atender a esse público. 

E falando em retrofit, esse também foi um destaque na edição, com menção ao Novo Lucsim e ao Moinho Business & Life, do qual fazem parte o Silo 240 e o Silo 215. 

As edificações antigas, no Recife, darão lugar a novas unidades habitacionais, entre studios e apartamentos padrão. Além do cuidado com a memória, o retrofit reduz a geração de resíduos de obra e permite a reutilização e transformação de materiais que podem voltar para a construção. 

Estar entre as melhores do Brasil e representar o Nordeste nesse ranking é motivo de orgulho e, acima de tudo, reflexo de um trabalho feito com seriedade. 

São 40 anos de trajetória e muito orgulho de construir no Nordeste e para o Nordeste. 

E se você quer acompanhar mais novidades da Moura Dubeux, aproveite para seguir nosso perfil no Linkedin

Posts relacionados

2 minutos de leitura
2 minutos de leitura

Atualização de cadastro